terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Se eu vos apanho “neurónios espelho” … nem sei o que vos faço

Nada. Não vos faço nada, que hoje acordei meia derreadita e não estou para grandes confrontos. Mas caramba, não podiam dar uso à vossa funcionalidade de “contágio” para outros assuntos.

Se vejo uma pessoa a bocejar, eu faço o mesmo. Se a comer um bolo sujam a cara, eu penso que também me aconteceu o mesmo. Se uma pessoa vomita, eu fico meia agoniada … é giro e tal. Significa que somos capazes de sentir empatia, mas não é muito útil.

Útil seria, se eu olhasse para uma pessoa que dormiu oito horinhas de um sono de beleza profundo e ficasse “contagiada” pela energia dessa pessoa. [Também não se perdia nada se ficasse contagiada pela beleza e as minhas olheiras fossem dar uma volta ao bilhar grande].

De igual forma seria fantástico olhar para uma pessoa, que comeu uma sopa transmontana, seguida de um cozido à portuguesa e de um leite-creme (ou toucinho do céu, não sou esquisita) e ficar com a sensação de saciada. [Poupava-se tanto em calorias].

Agora virem-me com a história, que até o frio é “contagioso” por causa dos “neurónios espelho”, mas para o que é bom, os “neurónios” estão quietos e não espelham nada … epá!
Olhem, vendo-os! Querem?
 
 

15 comentários:

  1. Respostas
    1. Nada feito! Continuo com os meus em stock ;)))

      Eliminar
  2. Não sei se me acredito muito :)


    tarasemanias.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu já não sei no que acreditar … há com cada uma! ;)

      Eliminar
  3. Também quero, dos que se deixam contagiar pela satisfação e bem estar alheios :)

    ResponderEliminar
  4. Epá, ser espelho dos outros não. Nem para o bem nem para o mal ;-)

    ResponderEliminar
  5. Eu voto nessas duas propostas de usi dos neurónios, principalmente na de ficar satisfeita com algo que outra pessoa comeu! Dava um jeito do caraças! :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então não dava! Levávamos era os ginásios à falência, mas isso agora não interessa nada ;)))

      Eliminar
  6. Eu sorri com isto. Será um "neurónio espelho", dos bons? :)

    Bom dia, Nina.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não sei como lhe dizer isto, JM. Acho que é melhor sentar-se … e calmante interiorizar que tem um neurónio espelho dos” mauzinhos” ;)

      Eliminar
  7. Neurónios espelho?? são os do frio? devo ter dúzias :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Diz que sim. Que são também responsáveis por espelhar o frio dos outros. Nestes últimos dias, eu acho que os meus se dedicam em exclusivo (e com afinco) a essa função ;)

      Eliminar