terça-feira, 7 de abril de 2015

“Encanita-me” os nervos!!! #5

Sabem aquela perguntinha RETÓRICA, que tanta boa gente gosta de fazer a seguir a um período de férias, miniférias ou fim-de-semana prolongado? Não sabem! Ó, não sejam mentirosos, porque de certeza já apanharam um(a) cromo(a), que gosta de perguntar “Então como foram as tuas férias? Foram boas?”.

E nós, alminhas inocentes e crentes das boas intenções, lá começamos a puxar pela cabeça. A relembrar os mil e quinhentos pecados gastronómicos que cometemos, nas quinhentas coisinhas soft que escolhemos fazer a seguir ao almoço, nos lugares onde andamos a laurear a pevide, nos momentos “ai, que voltava a fazer tudo outra vez” ou naquele momento em que olhamos olhos nos olhos para depois concluir … “devemos estar muito perto de onde o gato perdeu as botas”. Memórias e mais memórias … e quando nos sentimos preparados para começar a responder, ouvimos:

- Olha, as minhas foram fantásticas Sabes onde fomos? [outra pergunta retórica]. Fomos a blá, blá, blá …

[Querem fazer isto, tudo bem, eu só toda ouvido, mas primeiro … uma cadeira “faxabor”, que eu não fiz mal a ninguém para assistir ao monólogo de pé e em modo penitência.]
 
Imagem retirada da Internet
 

16 comentários:

  1. Ahahahahahahahah :D São uns exibicionistas, são o que são! :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já que se vão exibir e "montar o circo" ... também podia colocar as cadeiras para o espetáculo! Dava tanto jeito. ;)

      Eliminar
  2. Fica sempre a nostalgia no fim das mini-férias, daí querer contar a toda a gente o que se fez =)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Às vezes a nostalgia é tanta, que até contam duas vezes à mesma pessoa ... não vá ela não ter percebido à primeira o grau da nostalgia ;)

      Eliminar
  3. Sai uma dose reforçada de paciência para a mesa do canto!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Manda vir duas ... que só uma não chega! :)

      Eliminar
  4. O que eles querem mesmo, é contar as férias que tiveram. A primeira pergunta é só para desbloquear conversa. ahah
    Boa, boa, é aquela?
    - Então, já regressaste de férias?...
    ahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando perguntam "Então, já regressaste de férias?", eu respondo sempre "não, ainda não voltei. Vê lá isso, porque estás com ilusões" ... e enquanto eles pensam na resposta, eu fujo. ;))

      Eliminar
  5. Então não? Tantas vezes. Mais valia contar logo o que tanto desejam, em vez de fazer perguntas para as quais não esperam resposta.Era mais honesto e com menos perda de tempo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Era muito mais simples e sem dúvida que poupávamos tempo ... e já agora as pernas também :)

      Eliminar
  6. É apenas mais uma desculpa para desembrulharem tudo! E concordo contigo, a cadeira (ou sofá?) é essencial!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu já nem peço o "luxo" de um sofá, a cadeira era suficiente ... e quando são muitos monótonos a contarem a história, também podiam trazer um cafezinho. ;)

      Eliminar
  7. As pessoas adoram contar as coisas boas :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Contar, recontar, frisar ... aquilo passado a papel dava cabo do Pinhal de Leiria ;)))

      Eliminar
  8. Sabendo o que vem aí, é melhor dar logo uma desculpa para uma pessoa se pirar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas nem sempre dá para fugir. Eles são piores que uma gripe ... aparecem do nada, na pior das situações e para nos vermos livres deles ... demoramos uma eternidade.

      Eliminar